Dra. Lorena Galvão
Bacharel em Fonoaudiologia pela Universidade do Estado da Bahia - UNEB - com Extensão em câncer de cabeça e pescoço no Hospital Aristides Maltez. Pós graduanda em Fonoaudiologia Hospitalar com ênfase em neurologia pela Faculdade Anísio Teixeira no Hospital Ana Nery em Salvador-Ba. Trabalha pela Unimed do Sudoeste da Bahia em Vitória da Conquista atendendo nas áreas de Voz, Motricidade Oral, linguagem e disfagia.

Norma Eliete - O que vem a ser a rouquidão?
Lorena Galvão – Normalmente pacientes com alterações na voz vem com a queixa de rouquidão. Chamamos essas alterações de Disfonia, que pode vim acompanhada da perda total da voz (Afonia) e dor ao falar (Odinofonia). A disfonia ocorre porque houve alguma lesão ou alteração no aparelho fonador, mudando a forma como o som é produzido.

NE – Quais são as principais causas da rouquidão que podem ser evitadas?
LG – As causas mais frequentes da rouquidão envolvem crises alérgicas das vias aéreas superiores e principalmente o mau uso da voz. O que pode ser feito é evitar contato com agentes alergênicos como ursos de pelúcia, carpetes, pêlos de animais, giz, etc. associado ao tratamento prescrito pelo médico. Deve-se evitar também falar por tempo prolongado sem pausas para descanso vocal, gritar, pigarrear, sussurrar, usar sprays e pastilhas que apenas mascaram o problema, entre outros. No entanto, o que preocupa é que a disfonia tem causas mais sérias como tumores malignos. Por isso, é muito importante observar se a rouquidão persiste por mais de duas semanas, caso positivo o paciente deve procurar uma avaliação por um otorrinolaringologista.

NE – Dizem que profissionais que utilizam muito a voz (professores, cantores, atores, apresentadores, radialistas, entre outros) possuem uma tendência maior de ficarem roucos e por isso os cuidados com a voz devem ser redobrados, isto é verdade? Quais são suas dicas para estes profissionais?
LG – Sim, é verdade. Estes profissionais têm a voz como principal ferramenta de trabalho e por vezes chegam a usá-la por mais de 8 horas seguidas, e o que é pior, da forma incorreta, sem antes haver uma preparação. Infelizmente muitos profissionais têm sido afastados de suas atividades e procuram ajuda apenas quando os sintomas os impedem de usar a voz, causando alterações irreversíveis. As pregas vocais, conhecidas como cordas vocais, são constituídas de mucosa e músculo, e como todo músculo deve ser aquecido antes de ser usado. É importante que estes profissionais façam este aquecimento e tenham hábitos como beber muita água durante o dia para hidratar as pregas vocais, comer maçã que tem agente adstringente deixando a saliva fluida, evitar alimentos que causem refluxo, usar roupas confortáveis, evitar o ar condicionado bem como atitudes prejudiciais citadas anteriormente. É importante que o profissional da voz procure orientação fonoaudiológica a fim de prevenir patologias e promover aperfeiçoamento vocal.

NE – Algumas pessoas apresentam rouquidão após irem eventos como: festas, shows, jogos de futebol, vôlei, entre outros. Isto é motivo de preocupação? A partir de quando uma pessoa deve procurar um especialista por causa da rouquidão?
LG – O que acontece é que nestas situações é comum falar muito alto ou gritar ao expressar emoções e também pela competição sonora do ambiente levando a um abuso da musculatura e consequentemente lesões nas pregas vocais. Deve haver uma preocupação quando há dor associado à rouquidão e quando esta persistir por mais de duas semanas. O otorrinolaringologista é o primeiro profissional a ser procurado e indicará o tratamento mais adequado.

NE – Qual é o papel do fonoaudiólogo na rouquidão?
LG – A partir da indicação médica, o fonoaudiólogo vai orientar o paciente sobre condutas que precisam ser adotadas para evitar a piora do quadro além de tratar o tipo de lesão através de exercícios específicos para cada caso.

NE – O que vem a ser reeducação vocal?
LG – A reeducação vocal é a forma de modificar comportamentos vocais nocivos que envolvem respiração incorreta, imprecisão da articulação da fala, uso incorreto da musculatura fonatória e aperfeiçoamento vocal.

NE – Deixe uma mensagem.
LG – A voz é um instrumento precioso para expressar nossas emoções, idéias, nos identificar como seres únicos e em muitos casos garantir o nosso sustento. Devemos adotar hábitos preventivos das disfonias e buscar sempre ajuda no início do problema.



Publicidade

  • slide1
  • slide2
  • slide3

Vídeos



  • slide1
  • slide1
  • slide3
  • slide4